Voltar para a tela anterior.

Enor Wartha recebe o título de Cidadão Caxiense


Distinção se deve ao seu grande envolvimento comunitário com a localidade de Ana Rech


O empresário Enor Bernardo Wartha recebeu, na noite de terça-feira (07/08), o título de Cidadão Caxiense, em sessão solene no Legislativo municipal. A distinção, que teve como proponente principal o vereador Adiló Didomenico/PTB, foi entregue como reconhecimento por sua forte atuação comunitária e também pela participação como um dos principais defensores da emancipação de Ana Rech.

Da tribuna, o parlamentar destacou a trajetória de Wartha, nascido em São Sebastião do Caí e criado no meio rural. No discurso, o petebista recordou a chegada do homenageado a Caxias do Sul, onde atuou como servente de obras, carpinteiro e torneiro mecânico. Didomenico também citou o Restaurante das Camélias, do qual Wartha é proprietário desde 1975, em Ana Rech. “Com muita satisfação, a Câmara demonstra o carinho que a nossa cidade tem por pessoas como o senhor. Além disso, vale destacar que, em vez de pensar num coquetel para esta noite, o senhor Enor está destinando o valor a uma instituição de caridade”, revelou.

Depois de receber o diploma que lhe outorga do título de Cidadão Caxiense, Wartha fez uso da palavra para agradecer a homenagem. Ele enalteceu o Legislativo e elogiou a atitude de homens e mulheres engajados com o trabalho comunitário e que lutam pelo bem comum na política. “Sinto-me muito feliz em ter encontrado Caxias do Sul como um berço onde fiz muitos amigos e onde fui e sou muito bem acolhido”, salientou.

A solenidade foi conduzida pelo presidente da Câmara Municipal de Caxias do Sul, vereador Alberto Meneguzzi/PSB, e teve a participação de diversos parlamentares e autoridades civis. Ao final do discurso de Enor Wartha, o Coral Italiano Monte Carlo, do qual o homenageado faz parte, apresentou duas canções aos presentes.

08/08/2018 - 11:37
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor(a): Vania Espeiorin - MTE 9.861
Redator(a): Felipe Michelon Padilha

Ir para o topo