Voltar para a tela anterior.

Projeto de Adiló torna gratuito o 'teste da linguinha'


Vereador do PTB defendeu a proposta durante o Espaço do Grande Expediente nesta terça-feira


O vereador Adiló Didomenico/PTB destacou nesta terça-feira, durante a Sessão Ordinária do Legislativo, projeto de lei que torna obrigatório a realização gratuita do "teste da linguinha" em bebês nascidos no município de Caxias do Sul. A proposta, apresentada em julho, está em tramitação e visa detectar o problema da "língua presa" ainda na maternidade.

A realização do Protocolo de Avaliação do Frênulo da Língua em bebês, nome científico do exame, já está prevista na legislação nacional. A Lei 13.002, sancionada em 2014, torna obrigatório o teste em todos os hospitais e maternidades, nas crianças nascidas em suas dependências, mas não trata da gratuidade.

"Essa gratuidade se justifica pela importância do teste, capaz de diagnosticar a presença da anciloglossia (popularmente conhecida como língua presa) e o grau de limitação dos movimentos causado por ela, o que pode comprometer as funções de sugar, engolir, mastigar e falar. Fácil e rápido de ser realizado, detecta problemas na sucção nas atividades de amamentação e deglutição (ato de engolir comida) e, posteriormente, na mastigação e fala", afirma o autor na "Exposição de Motivos".

Segundo o petebista, o teste da linguinha pode evitar problemas relacionados à mastigação e ao desenvolvimento social e profissional. "Como nós já temos o teste do pezinho, esse é mais um importante teste a ser feito e executado de forma gratuita, coisa rápida, e que vai trazer um resultado muito grande na vida desse bebê nos meses seguintes e para sempre, para toda uma vida", disse Adiló.

 

Vacina do Rotavírus

Adiló também destacou em sua fala a falta da vacina para imunização contra o rotavírus, por conta de um atraso no repasse de doses por parte do governo federal para Estados e municípios. "O governo tem dinheiro e espaço para distribuir benesses e emendas para conseguir o apoio do congresso, mas deixa faltar uma vacina tão importante para as crianças", criticou o vereador.

08/08/2017 - 14:29
Gabinete do Vereador Adiló Didomenico/PTB
As matérias publicadas neste espaço são de total responsabilidade dos gabinetes dos vereadores.

Ir para o topo