Gustavo Toigo

Gustavo Toigo
  • Partido: PDT
  • Email: gtoigo@camaracaxias.rs.gov.br
  • Votação: 1790 votos
  • Telefones: (54) 3066-3827/ (54) 99105-3120
  • Data de nascimento: 27/07/1969
  • Estado civil: Casado
  • Escolaridade: Graduado em Direito
  • Profissão: Servidor público estadual licenciado (policial civil)
  • É natural de: Caxias do Sul

Biografia Política

Principais objetivos para o mandato:

Contribuir com a cidade de Caxias do Sul, principalmente, no aprimoramento das políticas sociais, da educação e da segurança.

Principais ações na carreira política, na vida pública e nas atividades profissionais:

Desde 1999, Gustavo Toigo está filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT). Em 2004, com 1.967, obteve a primeira suplência da XIV legislatura (2005-2008) e exerceu mandato de 1º de janeiro de 2005 a 31 de março de 2006, período em que liderou a bancada do PDT. De 2007 a 2008, atuou como secretário municipal do Desenvolvimento Urbano.

Com 3.544 votos, elegeu-se para a XV legislatura (2009-2012). No decorrer dos quatro anos de mandato, presidiu a Comissão de Constituição, Justiça e Legislação da Casa. Em 2012, conquistou a reeleição com 2.115 votos. Na XVI Legislatura (2013-2016), faz parte da Mesa Diretora, como vice-presidente da Câmara, em 2013, e líder do governo municipal do ex-prefeito Alceu Barbosa Velho. Em 2014, foi o presidente da Casa. Nesta XVII Legislatura (2017-2020), com 1.790 votos nas últimas eleições, cumpre o seu 3º mandato consecutivo.

Toigo se encontra licenciado da função de servidor público estadual (policial civil), para o exercício do mandato parlamentar. Em julho de 2002, foi aprovado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Anteriormente, em 2000, em Los Angeles, junto à Polícia do Estado da Califórnia, nos Estados Unidos, realizou o curso de gerenciamento de crises. Em 2001, concluiu o curso de preparação para a magistratura, promovido pela Associação dos Juízes do Rio Grande do Sul (Ajuris). Em 2007, coordenou a 3ª Conferência Municipal das Cidades. Em 2 de abril de 2008, obteve reconhecimento com a medalha Monumento Nacional ao Imigrante.

Ir para o topo