Voltar para a tela anterior.

CVV recebe a Medalha Percy Vargas de Abreu e Lima


Câmara Municipal homenageou a entidade pelo trabalho de prevenção ao suicídio


O Centro de Valorização da Vida (CVV) recebeu da Câmara Municipal a Comenda Medalha Percy Vargas de Abreu e Lima na noite desta quinta-feira (07/12). A entidade se destaca por oferecer gratuitamente, por meio de voluntários, ações de apoio emocional e prevenção ao suicídio. Sem fins lucrativos, iniciou suas atividades há 55 anos no Brasil e há cinco em Caxias do Sul.

 De autoria da Mesa Diretora do Legislativo, o requerimento indicando a homenagem foi aprovado por unanimidade pelos parlamentares em 28 de novembro. O nome da entidade teve apoio da Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Segurança da Câmara e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Subsecção Caxias.

Em nome da Casa, o discurso foi do presidente da Comissão de Direitos Humanos, vereador Rodrigo Beltrão/PT. O parlamentar destacou o trabalho do CVV para salvar vidas. Espera que o prêmio estimule os voluntários a seguirem em frente no auxílio de pessoas.

O petista comentou que o Rio Grande do Sul é o estado com maior número de suicídios, salientando que esse problema vitima toda a família e não apenas quem comete.

Das mãos do presidente da Câmara, Felipe Gremelmaier/PMDB, a coordenadora do Centro de Valorização da Vida, Andressa de Lima, recebeu a medalha. Em seu pronunciamento, a coordenadora agradeceu o Legislativo, os 70 voluntários do CVV e as cerca de 300 pessoas que já atuaram pela entidade.

Andressa comemorou que, no mesmo dia da homenagem, a Universidade de Caxias do Sul (UCS) anunciou a cedência de um espaço para o Centro fazer atendimentos, o que possibilitará serviço 24 horas por dia pelo telefone 188. Ela informou que são recebidas quase 1 mil ligações diárias na cidade e 4 mil no Brasil. ”A cada toque de telefone, uma esperança é renovada”, declarou.

Em representação ao Poder Executivo, a presidente da Fundação de Assistência Social (FAS), Rosana Menegotto, destacou que o CVV não só combate o suicídio, mas tira a dor das pessoas. Rosana ressaltou a importância da valorização das pessoas, seja no casamento, na família, no trabalho e em todas as situações como forma de prevenir depressões. A dirigente também falou sobre o valor do voluntariado, analisando o quanto esse ato faz bem a quem o pratica, e não só a quem recebe atenção.

A Comenda Percy Vargas de Abreu e Lima tem o objetivo de reconhecer o trabalho de pessoas físicas e jurídicas na defesa dos direitos humanos. Homenageia o ex-vereador caxiense que foi cassado pelo regime militar, em abril de 1964, e foi instituída por meio do Decreto Legislativo 141/A, de 22 de julho de 2003, de autoria da vereadora Ana Corso/PT. Ex-colega de vereança de Percy, Luiz Pizzetti prestigiou a sessão.

Também participou da mesa de trabalhos a 1ª secretária da Mesa Diretora, Paula Ioris/PSDB, e a coordenadora da Comissão de Direitos Humanos da OAB, Raquel Rota. Na plateia, estavam voluntários do CVV.

 

07/12/2017 - 20:02
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor(a) e Redator(a): Clever Moreira - 8697

Ir para o topo