Voltar para a tela anterior.

Paula Ioris busca ampliar vagas de trabalho a apenados na Codeca


Consciente da importância da ressocialização dos presos do semiaberto, presidente da empresa se mostrou favorável


Ampliar a oferta de empregos para os apenados do regime semiaberto de Caxias do Sul é uma das metas da Comissão Temporária Especial para o Enfrentamento da Violência, presidida pela vereadora Paula Ioris/PSDB. Para evitar a reincidência ao crime e oportunizar um recomeço aos condenados, a tucana busca parceiros na causa da segurança pública, inspirada nos resultados da Justiça Restaurativa. Considerando a experiência positiva de convênio entre a Codeca (Companhia de Desenvolvimento de Caxias do Sul), a Susepe e a Secretaria Estadual de Segurança Pública, Paula procurou a direção da empresa para ampliar o número de vagas. 

A vereadora esteve na sede da Codeca na manhã desta sexta-feira (01/12), com a presidente da Codeca, Amarilda Bortolotto, o gerente Operacional Igor Rossi, a gerente de Recursos Humanos e Qualidade, Cristiane dos Santos, a auxiliar do Controle da Capina Camila Schumam da Silva e o encarregado Gilmar Rosa da Silva. Também participaram do encontro a assistente social da Divisão de Trabalho Prisional do Departamento de Tratamento Prisional de Porto Alegre da Susepe, Carina Schulte Ulguim, e a técnica superior penitenciária, e a psicóloga da Susepe em Caxias do Sul, Daiane Carbonera.

Paula explicou o trabalho estratégico da Comissão no sentido de articular e incentivar programas de prevenção, promover a integração das forças de segurança, envolver e despertar a participação da sociedade, e buscar soluções para os problemas do sistema carcerário, entre eles a alta reincidência ao crime, item que mobiliza a iniciativa. “Entendo que existe medo e preconceito de quem nunca trabalhou com apenados, mas a Codeca já tem expertise e chegou a ter 40 presos contratados. Penso que esse é um problema social que, se fecharmos os olhos, volta contra nós. Então, estamos aqui para saber: qual a chance de ampliarmos o contrato? Minha sugestão é que como pré-requisito os selecionados devem continuar participando das práticas dos círculos restaurativos como garantia para as duas partes”, declarou.

A auxiliar do Controle de Capina da Codeca elogiou a equipe de 16 funcionários, responsável pelo serviço de capina na Perimetral, que chama a atenção pelo ótimo desempenho e interesse. “No passado tivemos problemas. Mas hoje quem está conosco é porque quer trabalhar. Eles se cobram bastante entre si para manter o convênio porque estão felizes com a chance de trabalhar e ajudar a família”, pontuou.

A presidente da Codeca explicou que a empresa está sentindo os reflexos do momento econômico e teve que fazer muitos cortes e ajustes, porém, solidarizou-se com a causa, entendendo que além da contribuição social com reflexos na segurança pública. “Penso que existe possibilidade sim, mas para isso temos que fazer um planejamento estratégico de médio e longo prazo, porque precisaremos investir em ampliação de vestiário e adquirir veículo de transporte”, ponderou.

Daiane e Carina colocaram a Susepe à disposição para continuar o trabalho de suporte à empresa e informaram que a Vara de Execuções Criminais de Caxias tem interesse de contribuir, podendo ajudar com aporte financeiro a projetos que oportunizem a ressocialização dos apenados.

Amarilda ficou de avaliar com sua equipe e dar andamento ao assunto.

 

 

01/12/2017 - 16:05
Gabinete da Vereadora Paula Ioris/PSDB
As matérias publicadas neste espaço são de total responsabilidade dos gabinetes dos vereadores.

Ir para o topo