Voltar para a tela anterior.

Neri O Carteiro atende escolas com problemas


Vereador trata de problema de trânsito em instituição e de interdição de refeitório em outra


A retirada de vans escolares e veículos para deixarem e buscarem seus filhos em escolas estaduais foi o principal tema do vereador Neri O Carteiro/SD na sessão ordinária na Câmara Municipal. Em seu pronunciamento nesta quarta-feira (12/07), o parlamentar também falou sobre a interdição do refeitório da Escola Atiliano Pinguelo.
O primeiro assunto do pronunciamento envolveu a questão da dificuldade de mobilidade em frente à entrada da Escola Estadual Província de Mendonça, no Bairro Cruzeiro. O tema foi levado por Neri a conhecimento do secretário de Trânsito, Transportes e Mobilidade, Cristiano de Abreu Soares. 
Segundo o vereador, a medida de os veículos não poderem mais entrar no pátio da escola causou transtornos em frente à instituição, na Avenida Hércules, entre a Rua Dionísio Lorandi, próximo ao Travessão Solferino. 
Apresentando um vídeo no telão, o parlamentar destacou que o trânsito ficou conturbado, causando perigo às crianças que agora têm de atravessar em meio aos veículos e a outros pedestres. Além disso, mostrou falta de espaço para ônibus e carros em frente à escola.
Neri ressaltou que, além da instituição de ensino, a rua também sedia a Unidade Básica de Saúde (UBS) e a Associação de Moradores do Bairro (Amob), comércio e outras atividades que também geram grande circulação de pessoas.  A comunidade fez um abaixo-assinado pedindo providências, entregue pelo parlamentar ao secretário de Trânsito, que se mostrou sensível à situação e verificar o local.
Outro assunto de Neri O Carteiro foi a interdição devido a rachaduras do refeitório da Escola Atiliano Pinguelo, no bairro De Zorzi. A instituição atende crianças do De Zorzi e dos bairros Diamantino e Campos da Serra. O parlamentar alertou que a merenda escolar, por vezes, é uma das importantes refeições para muitos desses alunos.

Acompanhado do presidente do bairro, da diretora da escola e de pais, o vereador pediu soluções à secretária municipal da Educação, Marina Mattielo.
Segundo Neri, a secretária disse que a obra é prioritária e a demanda foi encaminhada para projeto de novo refeitório via Secretaria Municipal de Planejamento. Porém, o grupo reiterou a possibilidade de liberar a metade do refeitório, para as merendeiras ao menos prepararem o lanche das crianças.
No espaço, Neri pediu apoio à comunidade para a participação do almoço beneficente em prol do (CAE) Ampliando Horizontes. O projeto auxilia meninos e meninas em situação de vulnerabilidade social do bairro Euzébio Beltrão de Queiróz. O evento será dia 23 de julho. Ingressos, a R$ 25 para adultos e R$ 10 para crianças, podem ser adquiridos pelos telefones 99130.6066 e 99189.6840.

12/07/2017 - 11:49
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor(a) e Redator(a): Clever Moreira - 8697

Ir para o topo