Discutida a declaração de utilidade pública à Associação Cultural Esportiva Minuano

O título consiste em exigência legal, para a agremiação poder participar de inúmeros projetos

Declarar a Associação Cultural Esportiva Minuano como de utilidade pública é o objetivo do projeto de lei 110/2020, de autoria do vereador Gustavo Toigo/PDT, que já apresentou substitutivo à matéria, para adequações técnicas. A primeira discussão sobre o PL aconteceu na manhã desta quinta-feira (03/12), durante a sessão ordinária. O título consiste em exigência legal, para a agremiação poder participar de inúmeros projetos, como parcerias de órgãos públicos municipais, institutos e fundações. O texto retornará à pauta, para segunda discussão e votação.

Criada em 1968, provinda do Esporte Clube Minuano, a associação nasceu sem fins lucrativos, voltada ao lazer dos moradores do Distrito de Fazenda Souza e arredores. Na época do surgimento, pelo interesse da comunidade na prática de esportes, dependia do desportivo dos Padres Josefinos.

Após encontros entre a comunidade, decidiu-se criar o Clube Minuano de Fazenda Souza. Bailes, reuniões e demais atividades começaram a ser realizadas pelos cidadãos. Os eventos realizados foram importantes para reunir fundos, para a conclusão das obras da sede.

Até hoje, a sede da associação é disponibilizada para a realização de bailes, jantares, reuniões, casamentos e afins. Recentemente, em 2019, houve a alteração do estatuto, a fim de deixá-lo de acordo com as novas leis das sociedades e municipais. A instituição segue com a presidência, colaborares e sócios, sempre visando à união da comunidade e à diversidade, sem buscar desvios de finalidade, prezando pelo bem-estar de todos.

03/12/2020 - 12:11
Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal de Caxias do Sul

Editor: Fábio Rausch - MTE 13.707
Redator: Lucas de Souza Marques
Vereador Gustavo Toigo

Vereador Gustavo Toigo

Crédito: Gabriela Bento Alves/divulgação